Você só tem 16 anos…

0218.png
Fotografia: Bryan Adam Castillo

여러분 안녕하세요? {Olá pessoal, tudo bem?} Eu queria escrever esse post a muito tempo, mas nunca tive coragem de fazê-lo. É um desabafo pessoal, e isso pode fugir um pouco do que eu normalmente posto por aqui. Mas sabe de uma coisa? Eu acabei esquecendo que esse blog é pessoal, e eu acho que tenho certa liberdade de escrever sobre o que eu preferir, não? Aconteceu uma situação um tanto irritante comigo, e um certo vídeo me inspirou a postar isso aqui. O texto já tava escrito, só faltava a coragem de encarar os fatos e postar. Não acho que isso gere polêmica alguma, mas talvez muitos esperam que eu escreva review de algum k-drama ou fale de k-pop, mas não é isso que vai acontecer hoje.

Você já ouviu essa frase? Eu descobri que eu a escuto frequentemente. Talvez não com essas palavras, mas às vezes até mesmo com ações.

Algumas semanas atrás, meus pais estavam planejando sair para algum lugar e me levar junto com eles. Mas eu não tava na vibe de sair de casa naquele dia, e aleguei que não ia. Foi então que eu escutei o seguinte…

Escute bem: Você só tem dezesseis anos, eu sou sua mãe, e você vai para onde eu quiser que você vá. Quando você atingir os dezoito você faz o que quiser, mas enquanto isso você vai fazer o que eu mandar, gostando ou não.

Eu me senti minúsculo. Impotente. Um objeto de uso. Um monte de nada.

Talvez eu possa não ser o responsável que um adulto é, e talvez eu possa não ter idade suficiente para resolver certas coisas. Mas eu não sou isso. Acho que ninguém deveria se limitar a ser só isso. Eu não gosto de me sentir tão fútil.

As pessoas vêem os adolescentes, e acham que podem brincar com eles, e que eles não tem qualquer força de opinião, ou que são fáceis de enganar. Sou tão ingênuo e imbecil assim? Eu não quero ser. Quer dizer… Só vou ter valor quando for um adulto? Antes disso eu sou apenas um brinquedo para os mais velhos? Esse sistema hierárquico está muito errado. Muito mesmo.

Não estou dizendo que todo adolescente é maduro e responsável, porque eu não sou. Também não digo que o adolescente não precisa ter limites. Mas ele também não precisa ser um fantoche.

Exercite sua memória. Quantas vezes você expressou sua opinião numa roda de adultos, e eles ignoraram? Ou riram? Ou simplesmente não lhe deixaram falar? Poucas as vezes? Certeza disso?

Porque somos jovens, geral acha que não importa o que a gente pensa. Nossa opinião não vai ter valor em um tribunal, e é muito mais fácil que a direção da sua escola ouça o pai de um aluno, do que quarenta alunos reclamando de alguma coisa.

Somos tão sem valor, que não importa o tempo que a gente tem de almoço, ou se vamos ter que praticar exercício físico depois. Porque ninguém vai se importar se é cansativo ou não. Você é adolescente, e você tem que suportar isso.

Se o professor não deu assunto em classe e você não se deu bem na prova, a culpa é sua. Se você está sofrendo bullying, a culpa é sua. Se você for roubado a culpa é sua de andar com o celular na rua, e se você for morto a culpa é sua por ter corrido do bandido. A culpa é sempre da vítima, e sem exceções.

Me desculpe se nosso sistema de sociedade não lhe agrada, caro jovem de dezesseis anos. Você é um adolescente. Se você não suportar, a culpa é sua.

 

Precisamos conversar um pouco…

20160123.png
Fotografia: Bryan Adam Castillo

여러분 안녕하세요? {Olá pessoal, tudo bem?} Eu vim falar aqui bem rapidinho sobre meu hiatus, e sobre o que vai acontecer com meu blog de agora em diante. Peço primeiro mil perdões, e admito que fui irresponsável em muitos aspectos, mas vou explicar a história e então vocês decidem se me perdoam ou não, okay?

Meu último post foi em setembro? Foi. Que horrível de minha parte. Eu tenho culpa? Sim. Não vou enrolar e dizer que eu estava ocupado, porque em um quadro geral eu não estava. Eram os últimos meses do colégio e eu tinha que me concentrar nas provas. Certo, isso é óbvio. Mas então eu entrei de férias. E aí? O que ouve? Arrumei um emprego, part-time job, viajei, fiquei sem internet, o computador quebrou, perdi as mãos, fiquei doente…? Não foi nada disso. Na verdade, eu estava um pouco cansado. Eu me sentia na obrigação de resenhar todos os doramas que eu assistia, e não era pra ser assim. Eu fiz o Vivendo com Kimchi pra ser um blog pessoal onde eu pudesse compartilhar o que eu quisesse com quem estivesse lendo, e não um blog de resenhas. Eu esqueci disso. Claro que houveram doramas que eu quis muito falar sobre, mas eu lembrava do processo de construção da resenha e desanimava. Então sim. Foi por preguiça. Durante esse período eu decidi esfriar a cabeça um pouco e apenas fazer um monte de nada. Eu estava precisando disso, então me dei umas férias.

Mas o que vai acontecer agora?

Eu não sei. Não tenho certeza.

Quarta-feira (25/01) eu começo de novo a escola. Eu já estou cursando o terceiro ano, e dessa vez eu preciso me esforçar mais que nunca. Eu tenho o sonho de fazer faculdade na Coréia do Sul, e pra isso eu preciso de uma bolsa de estudos, porque eu sei que meus pais não vão pagar pra isso. E para conseguir a bolsa, eu preciso de boas notas. Para boas notas eu preciso estudar, então… Esse ano vai estar mais complicado que nunca. Eu não vou fechar o blog, não tenho esse pensamento, muito menos esse plano. Mas eu também sei que é impossível manter uma frequência de posts, ou um calendário editorial, ou qualquer outra coisa. Então muitas vezes eu chegarei aqui de surpresa e nunca saberemos o dia no qual eu aparecerei novamente. Eu tenho planos para meu blog, claro que tenho. Quero pagar um domínio, mudar a identidade visual, trabalhar melhor no merchan e publicar com mais frequência. Mas não sei se vou poder esse ano.

Vou postar algo novo nas próximas semanas sobre um projeto que tenho trabalhado em Janeiro, e eu quero também trazer mais Analyrics e eu pensei em muitos já, inclusive. No fim de tudo, torçam por mim em todas as ocasiões. Principalmente pela minha vida acadêmica e por meus sonhos. Preciso do apoio de vocês!

여러붕 안녕히 계세요!!

{Fiquem bem, pessoal!}

[ANALYRICS] 아스트로 (ASTRO) _ 풋사랑 (Innocent Love)

160921

여러분 안녕하세요? {Olá pessoal, tudo bem?} Esse “quadro” aqui do blog é algo que eu estou planejando faz um tempo, mas aí veio hiatus/preguiça e eu não pude trabalhar nele. Consiste em analisar letras de músicas coreanas (kpop ou não) para ajudar no vocabulário dos estudantes de coreano e também é uma forma de que eu aprenda algo com isso também hehe. Vocês conhecem essa música, certo?Leia mais »

[Kdrama] Operation: Proposal/프로포즈 대작전

여러분 안녕하세요? {Olá pessoal, tudo bem?} Sem enrolar, só digo uma coisa sobre esse dorama: ….. Todo meu sofrimento valeu a pena.

Título: 프로포즈 대작전 / Operation: Proposal
Gênero: Romance, Drama, Comédia, Fantasia
Episódios: 16
Canal: TV초선 (TVChoseon)
Período de Transmissão: 8 de fev. a 29 de mar. de 2012
Roteirista: Yoon Ji-ryeon
Diretor: Kim Woo-seon

Sinopse: Kang Baek Ho é convidado para o casamento de seu grande amor, Yi Seul, que está se casando com outro homem. Bem ali, na cerimônia de casamento, Kang Ho lamenta por não ter confessado o seu amor para ela. Então, um misterioso homem aparece e lhe dá uma segunda chance para conquistar a garota que ele ama, e o envia de volta para o passado. Será que consertando os erros do passado ele conseguirá conquistar sua amada ?

Leia mais »

[Kdrama] The Greatest Marriage/최고의 결혼

여러분 안녕하세요? {Olá pessoal, tudo bem?} Quanto tempo, não? Bem, eu vou poupá-los de explicações sobre meu hiatus. A verdade é que eu fiquei desanimado com meus projetos, e eu meio que considerei estar escrevendo para as paredes. A falta de público me desanima um pouco, mas quem sabe um dia eu alcanço alguém, não é mesmo? Pra ser bem sincero, esse dorama me trouxe de volta hahaha. Enquanto os episódios se passavam eu pensava “eu preciso compartilhar essa obra de arte com alguém”. Então, aqui estou eu hahaha! Não vou garantir frequência alguma de postagens. Talvez eu só apareça de novo em alguns meses, mas eu pretende ter pelo menos um post a cada quinze dias. Enfim… Vamos ao que interessa~ ^^

Título: 최고의 결혼 / The Greatest Marriage
Gênero: Romance, Drama, Comédia
Episódios: 16
Canal: TV초선 (TVChoseon)
Período de Transmissão: 27 de set. a 27 de dez. de 2014
Roteirista: Go Yoon-he
Diretor: Oh Jong-rok

Sinopse: Era uma vez uma Cha Ki Young que, aos 35 anos ainda não se casou e, pra falar a verdade, não tinha muita paciência com isso. Como jornalista ( e âncora de um jornal), ela escreve um livro junto com Park Tae Young, um rico herdeiro que prefere cozinhar ao invés de ser… tipo, só rico. Os dois namoram e, eventualmente, ela engravida. Tudo se complica quando, depois de ver o quão patriarcal é a família do namorado, ela pula fora dessa história de casamento. O problema é que, na Coreia, ser mãe solteira parece ser a pior coisa que pode acontecer a uma mulher. Assim, Cha Ki Young começa a comer o pão que o diabo amassou…

Leia mais »

[Kdrama] Bubblegum/풍선껌

여러분 안녕하세요? {Olá pessoal, tudo bem?} Uma amiga me indicou esse dorama, e eu achei simplesmente fantástico! Começa super fofo, e tem uma reviravolta enormemente impactante!

Título: 풍선껌 / Bubblegum
Gênero: Romance
Episódios: 16
Canal: tvN
Período de Transmissão: 9 de jan. a 28 de fev. de 2015
Roteirista: Lee Mi-na
Diretor: Kim Byeong-soo
Sinopse: Park Ri Hwan é o diretor de um hospital oriental de medicina, sempre tomando conta de sua mãe. Sua melhor amiga desde a infância é Kim Haeng Ah, que é impaciente e desajeitada e que trabalha há oito anos como produtora de rádio.

Leia mais »