[Kdrama] The Greatest Marriage/최고의 결혼

여러분 안녕하세요? {Olá pessoal, tudo bem?} Quanto tempo, não? Bem, eu vou poupá-los de explicações sobre meu hiatus. A verdade é que eu fiquei desanimado com meus projetos, e eu meio que considerei estar escrevendo para as paredes. A falta de público me desanima um pouco, mas quem sabe um dia eu alcanço alguém, não é mesmo? Pra ser bem sincero, esse dorama me trouxe de volta hahaha. Enquanto os episódios se passavam eu pensava “eu preciso compartilhar essa obra de arte com alguém”. Então, aqui estou eu hahaha! Não vou garantir frequência alguma de postagens. Talvez eu só apareça de novo em alguns meses, mas eu pretende ter pelo menos um post a cada quinze dias. Enfim… Vamos ao que interessa~ ^^

Título: 최고의 결혼 / The Greatest Marriage
Gênero: Romance, Drama, Comédia
Episódios: 16
Canal: TV초선 (TVChoseon)
Período de Transmissão: 27 de set. a 27 de dez. de 2014
Roteirista: Go Yoon-he
Diretor: Oh Jong-rok

Sinopse: Era uma vez uma Cha Ki Young que, aos 35 anos ainda não se casou e, pra falar a verdade, não tinha muita paciência com isso. Como jornalista ( e âncora de um jornal), ela escreve um livro junto com Park Tae Young, um rico herdeiro que prefere cozinhar ao invés de ser… tipo, só rico. Os dois namoram e, eventualmente, ela engravida. Tudo se complica quando, depois de ver o quão patriarcal é a família do namorado, ela pula fora dessa história de casamento. O problema é que, na Coreia, ser mãe solteira parece ser a pior coisa que pode acontecer a uma mulher. Assim, Cha Ki Young começa a comer o pão que o diabo amassou…

Esse post vai se estender bastante, por isso vou dividí-lo em tópicos.

[ ESSE ARTIGO CONTÉM SPOILERS! ]

「  Personagens 

tumblr_nhb243apko1s2mfkeo2_500

 Cha Ki-yeong (Park Si-yeon) é âncora do Jornal das Nova do canal CKTV. É uma mulher extremamente desejada, e está em seus 35 anos. Porém, Ki-yeong não confia nos homens. Sua mãe sofreu durante toda a vida nas mãos do marido, então, traumatizada, a moça não confia nos homens. Mesmo assim, Ki-yeong conhece um rapaz, com quem começa a namorar, até que engravida. Planejaram o casamento, mas Ki-yeong desistiu de casar-se quando conheceu a família do noivo. Uma família machista e patriarcal, que a obrigaria a desistir de ser jornalista, coisa para a qual lutou muito para conseguir. Mesmo desistindo do casamento, Ki-yeong não desistiu de seu filho. E por causa disso, se torna alvo de altas críticas em toda a Coréia.

4537_13

Park Tae-yeon (No Min-woo) é o herdeiro rebelde de uma família chaebol, que desistiu de sua herança e saiu de casa para se tornar um grande cozinheiro. Ele consegue um programa na CKTV, cujo o set é ao lado do set do Jornal das Nove. Tae-yeon e Ki-yeong se conhecem, e desenvolvem um romance. Ki-yeong acaba grávida, e Tae-yeon a incentiva ao aborto. A garota nega o aborto, e diz que pode criar o filho sozinha. Mas Tae-yeon a propõe casamento, para que ambos cuidem da criança. Porém, a moça desiste quando conhece a família do rapaz, iniciando o verdadeiro inferno do enredo. Calma, ele é bonito, mas você vai sentir raiva dele. Muita raiva dele. E depois vai querer que ele queime no inferno.

40026Jo Eun-cha (Bae Soo-bin) já fora o seonbae de Ki-yeong. Desistiu de ser âncora do Jornal das Nove para virar político. É machista, arrogante e aproveitador. Mais tarde se aproveitará da situação deplorável de Ki-yeong e seu filho para impulsonar sua campanha política. Ele também se registra como pai legal do filho da Ki-yeong, para fazer papel de bom moço. Ao decorrer da história, Eun-cha se apaixona pela Ki-yeong secretamente, e só revela isso no final do drama. Eun-cha é uma pessoa complicada. Ele se mostra bom para alguns, e ruim para outros, mas não sabemos quem ele realmente é. O que sabemos é que ele realmente gosta da Ki-yeong, e que está tentando quebrar seu lado cafajeste para deixá-la o mais confortável possível. Mas você também vai ter ódio dele. Bastante. Muito mesmo.

4537_7

Hyun Myeong-yi (Eom Hyeon-kyeong) é a interesseira do dorama. No começo ela menciona o Tae-yeon como seu alvo para casar e ser rica. E ela vai atrás. Ela é estagiária de CKTV, e consegue o Tae-yeon para fazer o programa culinário. Ela se faz de santa no começo pra depois estragar a vida de todo mundo. É a personagem que só existe para infernizar a trama e destruir tudo. Foi pra isso que ela nasceu. Quando ela saiu do útero, a mãe a pegou no colo e disse “Myeong-yi, você nasceu para destruir couples e estragar o a vida da protagonista”. Exatamente assim.

[ ESSE ARTIGO TEM SPOILERS! AINDA HÁ TEMPO DE FUGIR ]

「 Roteiro 」

tumblr_ncvur3bw461qbxx00o1_250
Lindo “romance”, né?

Revolucionário! Ele meio que quebrou a regra de todo dorama que é: uma protagonista, um cara perfeito, e duas pessoas que tentarão atrapalhar o couple, mas não vão conseguir. NADA DISSO! Esse dorama não segue esse lógica ridícula, e isso me lembra bem o primeiro dorama que assisti com a Park Si-yeon. Greatest Marriage é um drama deprimente com uma pitada de romance e comédia, pra não ficar muito pesado e acabar lhe matando. O inferno que esse dorama é começa, justamente, no terceiro episódio. Em dois episódios de uma hora cada, Ki-yeong e Tae-yeon se conhecem, se encontram, namoram, transam, Ki-yeong engravida, Tae-yeon a pede pra abortar, propõe casamento e eles terminam. EM DOIS EPISÓDIOS. No começo eu achei isso super nada a ver, e julguei que o roteirotumblr_nf4az6zhks1qcagtxo2_250 seria muito ruim. O universo me provou que não. Pra ser sincero, essa estratégia do escritor deu espaço para muito mais história e conteúdo. Ele cortou todo o romance que haveria no começo, para dar espaço ao drama que lhe dá vontade de suicídio.  Nos demais quatorze episódios, Ki-yeong revela a gravidez à Coréia, alegando ter feito inseminação artificial. Mas aí começa o pesadelo. A Coréia é um país extremamente conservador e machista. Pra eles, uma mãe solteira é sinônimo de vergonha e desonra. Mas Ki-yeong decide lidar com isso, e lutar pelo seu filho, 팔일오 { pal.il.oh – 815 }. Enquanto luta pela vida de seu filho, é confrontada pelo repentino romance entre Tae–yeon e Myeong-yi. Myeong-yi se aproveita do coração partido de Tae-yeon para se aproximar, e Tae-yeon se aproveita dela para causar ciúmes na Ki-yeong. Nessa brincadeira, Tae-yeon engravida a Myeong-yi também. É. No dia do nascimento de 815, Ki-yeong entra em trabalho de parto ao vivo, e é levada à maternidade assim que o jornal termina. Enquanto está passando pelas dores de parto, Myeong-yi está sofrendo um aborto natural, nam esma maternidade. Porém, Ki-yeong começa a sofrer preconceito por parte das outras mães, e é a tumblr_nf4az6zhks1qcagtxo10_r1_250partir daí que sua vida piora. Seu filho, Cha Dan (não mais 815 haha), vai crescendo, e sua carreira profissional piorando. Já não era mais âncora do Jornal das Nove, e estava na lista de desempregos da empresa. Tae-yeon, que deixou sua esposa para ir aos EUA, voltara para a Coréia, país no qual esteve fugindo o tempo todo. Sua família não demorou muito para descobrir que Cha Dan era, na verdade, filho de Tae-yeon. Agora, Ki-yeong precisa lutar pela guarda de seu filho.

「 Feminismo >>>>>>>> Machismo 」

tumblr_ndt1m4k5ht1s2mfkeo2_250

O que mais me atraiu nesse dorama foi o famigerado realismo. Provavelmente vocês já tenham estudado sobre o realismo nas aulas de Literatura da escola. O dorama desmascara toda a mentira que a maioria dos doramas pregam, que é “Coréia, um lugar perfeito”. Todos sabemos (espero eu) que a Coréia tem seus problemas, e não são poucos. Mas esse dorama mostrou um dos mais preocupantes, que é a sociedade conservadora-machista. Durante todo o dorama vemos a Ki-yeong sofrendo por culpa dessa cultura machista dos coreanos, e é um problema tão grave, que as mulheres são machistas e não percebem. Durante os episódios, sempre ouvimos frases como:

“Para uma mulher ser bem sucedida, ela pode recorrer a duas coisas: bajular todo mundo, ou se apoiar em um homem.”

Haviam muitas feministas apoiando a Ki-yeong, mas o resto, e com isso eu não digo que só os homens, riam e caçoavam da situação da nossa amada protagonista. Nem sequer sua mãe a apoiou. Ela tinha tudo para desistir, mas ela lutou pelo seu filho. Até o fim. “Se case.”; “Você é uma desonra.”; tumblr_ncpq0eb3sa1qcagtxo1_250“Louca, deveria arranjar um marido…” tudo isso era comentado pelos corredores, e vemos que a sociedade patriarcal coreana etá tão implantada na cultura do país, que as mulheres acabam adotando isso como uma norma da vida politicamente correta.

Essa não é a única crítica do drama. Quando os últimos episódios se aproximam, vemos como uma família chaebol consegue tudo e todos. Eles têm conexões suficientes para lhe deixar na rua, manipular a mídia, e até mesmo a lei. E, como se não bastasse, vemos também o quanto os coreanos são facilmente influenciados pela mídia, ao ponto de que a família de Tae-yeon revele que o filho de Ki-yeong não veio de um banco de espermas, e sim de um homem. Facilmente, todo o país se torna contra Ki-yeong, a chamando de mentirosa e manipuladora. “Queimem-a”; “Bruxas merecem ser queimadas!”; “Mentirosa!” e mais coisas horríveis são ditas para quem antes era a heroína das feministas. De uma noite para outra, transformam nossa protagonista de “Angelina Jolie Coreana” para “Bruxa”. Incrível não?


Adoraria mesmo falar muito mais sobre esse incrível dorama, mas eu não quero me estender mais nesse post. Estou chegando perto do centésimo dorama, e quando eu chegar lá farei uma listinha :3 Não sei tumblr_nendihc1c31tydx2so1_500quando vou postar novamente, mas não desistam de mim ❤ Você pode assistir The Greatest Marriage em:

Netflix

DramaFever

DoramaOnline

여러붕 안녕히 계세요!!

{Fiquem bem, pessoal!}

Anúncios

7 comentários sobre “[Kdrama] The Greatest Marriage/최고의 결혼

  1. Sempre me interessei em ver esse drama mas ele acabou se perdendo na lista de dramas. O que me interessou foi a protagonista querer criar o filho sozinha, qualquer sombra de feminismo e emponderamento feminino já me interessa. É importante o debate, principalmente quando o machismo vem de mulher. Hoje mesmo tava tentando explicar pra uma menina de uma page de dramas o porquê dela ser machista. O Post era sobre a troca de atrizes no filmes de Cheese in the trap, segundo ela a nova atriz escolhida era “muito velha” pra ser uma universitária. Mas veja só, a nova atriz escolhida tem 4 anos de diferença da atriz que fez o drama Cheese. E o ator protagonista tem 34 anos e é igualmente “velho” pra ser um universitário, mas ninguém liga. Ele é homem, bonito, tudo certo. Mas a atriz não foi julgada capaz por ser “velha” (com 29 anos, veja só). Normalmente é mais difícil ver atrizes acima dos 30 protagonizando dramas, mas o que a gente vê sempre é atriz de 24 pra baixo fazendo par com ator com mais de 30. O ponto não é a diferença de idade dos protagonistas ou da história em que eles estão inseridos, mas a “vida útil” de uma atriz. Cara, isso é tão injusto.

    Voltando ao drama, eu vou procurar ver sim. Obrigada por me relembrar que esse drama tava na minha lista.

    Um outro drama que tem a mesma ideia é Bad Couple? Já assistiu?

    Curtir

    • Você falou tudo! Sempre me incomodei com essa crítica ridícula. Sempre que lança um dorama novo, e a atriz que protagoniza é acima dos vinte e cinco, os netizens caem matando. Simplesmente patético. A Park Si Yeon, por exemplo, é uma ótima atriz, e eu amo ela de paixão, porém o “problema” é que ela tem 37 anos. O caso de Cheese in the Trap ilustra bem isso, quando eu vi a escolha do ator e comparei com o personagem, eu achei um absurdo. Mas ninguém ligou, se importou, estavam cagando e andando. A Coréia precisa de um pouco mais de feminismo, não tá dando para defender.

      Assista mesmo esse dorama, juro que você não se arrepende ❤

      Vou pesquisar sobre Bad Couple, e talvez eu o assista mais futuramente *-*

      Obrigado pelo seu comentário! ~ WJHyun

      Curtir

  2. É bom encontrar alguém que consiga ver pela mesma ótica. Eu amo a Coreia, mas ela precisa evoluir muuuuuito, e cabecinha de muitas dorameiras também. Não sei se você está acompanhando Moon Loveres mas estou com sérios problemas pra shippar aquele casal. Já me incomoda horrores os protagonistas saírem puxando as mocinhas pelo punho igual saco de batata aí o cara vai e joga a protagonista de cima de um cavalo, depois pega ela pelo pescoço. Sei que é drama histórico e que existe um contexto pra o personagem mas você sabe, a maquina da problematização nunca para. KKKKKKKK

    Falando na Park Si-Yeon, curiosamente hoje me lembrei novamente do drama que vc recomendou. Comecei a assistir Fantastic e não sabia que ela tava no cast. Como sempre, ela está belíssima no drama.

    Curtir

    • Eu tenho um preconceito com doramas ápicos, eles mostram bastante a história do machismo coreano além de a história ser, na maioria das vezes …. surreal. Não que eu não goste de super poderes, eu amei Blood do Ahn Jae-hyeon por exemplo, e My Love From The Stars do Kim Soo-hyeon é simplesmente incrível, mas existe algum detalhe dos doramas históricos que não me prendem.

      FANTASTIC!!!! Eu quero muito ver esse dorama, meeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeu Deus… A Si-Yeon está parada faz um tempo, e eu fiquei animadíssimo sobre Fantastic. Só quero esvaziar logo minha lista para pôr novos títulos, em vez de ficar empurrando os doramas eternamente hahahaha.

      Essa semana eu terminal Operation Proposal. Já assistiu?
      Em breve sai uma resenha sobre esse dorama!! ~ WJHyun

      Curtir

      • Ela tá linda em Fantastic, como sempre né? A personagem dela é sofrida mas creio que reviravoltas virão com direito a noona romance (ADORO).

        Operation Proposal está no HD, esperando a vez KKKK.

        Curtir

      • Ela so n pode terminar o dorama sofrendo ausuausaus já chega de personagem friend zone pra Si-yeon!!

        Assiste logo Operation moça!!!!! É, tipo, muito bom!!!! KKK

        ~ WJHyun

        Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s